Nos anos 1960, todo mundo corria com tênis planos, simples, sem amortecimento algum. De repente, a indústria começou a vender modelos mais acolchoados e, desde então, a tecnologia vem avançando a passos largos no mundo dos tênis de corrida. A questão é: então por que o número de lesões não diminui?

tenis 3

Todos os anos, milhares de corredores se machucam, não importando o nível de condicionamento, o sexo ou a idade e o marketing de grandes empresas usa isso para te convencer de que correr é mesmo perigoso e você precisa estar bem preparado para fugir das lesões.

Mas a verdade é que NÃO HÁ provas de que os tênis de corrida contribuam de fato para evitar machucados :O e ainda existem fundamentos que provam malefícios na maioria deles.

Em uma pesquisa realizada em 2008 para o British Journal of Sports Medicine, o Dr. Craig Richards revelou que não existe um só dado conclusivo sequer que demonstre a eficiência dos tênis em evitar lesões. O médico especialista em corrida procurou qualquer indício que provasse a melhora de desempenho ou a diminuição dos riscos para corredores proporcionados pelos tênis, contatou os fabricantes e esperou pela resposta. Nada.

Ironicamente, outra pesquisa em 1989, no The American Journal of Sports Medicine já havia concluído que corredores que usam tênis mais caros tem mais riscos de se lesionar! O estudo contou com 4.358 corredores que responderam um questionário detalhado sobre seu treinamento no ano anterior e o pesquisador Dr. Marti ficou surpreso ao perceber que a variável que mais se destacava entre os que haviam se ferido e os que não era o preço do tênis que usavam.

tenis

Como se não bastasse, McDougall também menciona treinadores que deixaram de solicitar tênis sofisticados para suas equipes de corrida, porque seu uso aumentou o número de lesões. Não é o peso no bolso que prejudica sua corrida, mas é justamente aquele amortecimento que promete “consertar” sua pisada que vai, na verdade, impedir o seu pé de funcionar do jeito que foi projetado para fazer.

Se você tem uma pisada demasiadamente pronada, por exemplo, e compra um tênis para pronadores, tudo que ele vai fazer é manter sua pisada como ela está, deixando você confortável nela. Assim, seu corpo e seu pé nunca vão encontrar o alinhamento correto, compensando as forças em outras partes que não foram projetadas para isso e levando a inevitáveis lesões.

tenis2

Quer melhorar sua pisada? Melhore sua postura, fortaleça os músculos do seu quadril, alongue-se e cuide do seu CORPO com paciência e determinação, assim verá o corredor que é capaz de ser!

Descalço é bem melhor

Calma, isso não é um ataque a nossa querida Havainas 💔, eu vou explicar direitinho:

fascia

 

Nosso pé possui uma camada de tecido fibroso que recobre os músculos da região plantar chamada de aponeurose ou fáscia plantar. Esta fáscia é de suma importância para a caminhada, pois é ela quem forma nosso arco plantar e proporciona o chamado mecanismo Windlass 🏗 (algo como “guindaste” em português).

O Windlass Mechanism funciona mais ou menos como um guincho mesmo, pois quando você anda 🚶🏻‍♀️, há um momento em que tira o calcanhar do chão, deixando apenas os dedos para sustentar a carga do corpo e é nesse ponto de dorsiflexão que o arco plantar entra em ação: ele ativa a fáscia plantar para reduzir a força 💪🏼 de tração dos ligamentos e as forças de compressão 🤜🏼🤛🏼 das articulações, além de absorver e liberar energia ⚡️ elástica durante corridas e saltos. 🏃🏻‍♀️💘

Em outras palavras, é o mecanismo que alivia a barra ✌🏼 dos ligamentos e articulações usados na caminhada e distribui 💁🏻 a energia necessária para o movimento acontecer de forma estável e segura. 👍🏼

Agora quer saber como o famoso “chinelo de dedo” pode atrapalhar tudo isso? É bem simples: quando você anda de chinelo, seu dedão é naturalmente flexionado para não deixar a sandália cair, fazendo com que você pise no solo com a fáscia plantar um pouco encurtada, o que provoca a inibição dessa estrutura e, consequentemente, do mecanismo mencionado. A má distribuição de forças pode levar a dores e patologias e não há dúvidas que isso vai afetar sua performance na corrida também. 😰

chinelos.jpg

Por isso, use seu chinelinho na rua para não pisar em cacos de vidro por aí 😉, mas, em casa, bote esse pé no chão e deixe ele fazer o trabalho que foi projetado para fazer!  #NãoSubestime #SeuPézitxo 😎

Olha essa postura!

Você sabia que a posição em que você está AGORA lendo este post 👀 tem tudo a ver com a forma que você corre ?

corrida

A corrida nada mais é que uma série de saltos, e a cada vez que os seus pés tocam o solo, seu corpo busca estabilidade, mas não é o terreno nem #MuitoMenos o seu tênis 👟 que vão te dar essa estabilidade, é a sua pisada. 👣 E para ajustar o seu sistema de pouso, você precisa reajustar o seu cérebro 💭.

A posição mais estável do corpo é quando os pés estão dispostos paralalelamente apontados para frente, a coluna está completamente neutra – resultado de uma leve contração de glúteos e abdômen, que alinham sua caixa toráxica – e sua cabeça está perfeitamente ajustada com a cervical. 👌🏼 Esta é a posição que o seu cérebro busca toda vez que toca o chão. Se estiver desregulada em algum ponto, seu corpo vai buscar compensação em outro, sobrecarregando-o e causando as temidas lesões. 🚫

postura

Busque estar na posição neutra o MÁXIMO de tempo possível no seu dia, observe-se e corrija-se quando estiver escovando os dentes 😁, lavando os pratos 🍳 ou os conversando com os amigos. Aos poucos, ela se tornará sua posição natural. 😌 #Plena

Comprometa-se com essa mudança e vai ganhar não só ANOS a mais de corrida na vida, mas uma melhora de performance considerável! 🏃🏻‍♀️💨 Vale ou não a pena? 👊🏼

O que elas usam na academia

Porque sim, a gente adora saber o que está se usando por aí  – inclusive mundo afora – na hora de queimar as gordurinhas. E, para isso, nada melhor que usar os looks das celebs mais badaladas para se inspirar e não fazer feio na academia né?

grazi45

Elas usam shortinho, legging, camisão, top e short-saia, cada uma com sua personalidade e seu jeitinho próprio, mas com uma coisa sempre em comum: estilo e, sim, discrição. Black is the new black, baby. E não digo só porque eu AMO um pretinho básico não hein, o fato é que até as famosas mais ousadas têm sossegado um pouco a overdose de cores e dado espaço aos diferentes cortes e detalhes, ao invés das antigas estampas coloridas. Confere só.

famosas

famosas1

Vanessa Hudgens tá aí pra provar que, até na hora de se cobrir inteira de oncinha #VaiEntenterNé, dá pra fazer sem taaaaanta afetação. E o melhor é que, apostando no básico, não dá errar né?

Então, SIM, pode comprar sua segunda ou sua décima quarta legging preta sem medo de ser feliz!

Receitinha: Salgado fit

Eu tenho que confessar que nãooo foi a primeira vez que tentei um salgado fit em casa (leia-se: muitas decepções na vida), mas DESSA vez tudo mudou. Sai lendo várias receitas na internet e entre tantas opções, acabei fazendo do jeito que achei mais fácil. Comigo só funciona assim: poucos ingredientes, pouco trabalho, pouco tempo de espera e… gostosura suficiente para me fazer desistir do pão francês com manteiga. Esse salgadinho foi exatamente assim! Olha só:

photo-06-10-16-20-01-55

Ingredientes:

  • 100g de frango
  • 100g de batata doce cozida
  • 1 clara de ovo
  • 3cs de farinha de aveia
  • 1 pitada de sal rosa

Bate o frango e a batata doce no liquidificador até formar uma massa grossa (não medi as quantidades tão bem, fui acrescentando batata doce aos pouquinhos até a consistência ficar firme). Com as mãos, faça bolinhos com a massa e passe-os pela clara de ovo, em seguida pela farinha de aveia misturada com sal rosa. É simples assim! Você coloca no forno por cerca de 20min e prontinho! A aveia deixa o bolinho crocante por fora e a massa fica uma delícia, é um jeito perfeito para variar o combo frango + bata doce sem peso na consciência. Pode testar sem medo!

Style to watch: Gabriela Pugliesi

Ela é “musa fitness”, rainha do snapchat, instablogger, dona da polêmica e outras mil e uma definições, mas o que conta aqui é: ela tem estilo! Quando começou a postar fotos no instagram e ainda não tinha dado o boom na mídia brasileira, ela já desfilava roupinhas bem estilosas na academia, mas pecava horrores fora dela. Com o tempo, conseguiu dar um up em todos os tipos de looks e passou a ser alvo de inveja não só pela barriga sarada.

A marca registrada da Pugli são, sem dúvida, os shortinhos de academia. Curtos e quase sempre com o cós dobrado, eles são praticamente obrigatórios nos looks de academia da moça.

Pugli Blog1

Juntamente com os shortinhos, o que mais aparece na hora de suar o tanquinho fitness é a cor queridinha da maioria das mulheres: o preto! Pugliesi usa e abusa do all black, e faz isso tão bem que a gente fica desejando cada peça. Com detalhes e modelos diferenciados, ela moderniza o basicão e consegue uma enorme variação de combinações sem sair do neutro.

Pugli Blog

Só tem um momento que a blogger se joga nas leggings: as aulas de ballet fitness! E é nessa hora que ela vira pura inspiração para quem é do time da sapatilha, com combinações modernas e charmosas, ela desce no plié cheia de estilo.

Pugli Blog5

Toda musa fitness que se preze dá seu show na praia também e, como já era de se esperar, com a Gabriela Pugliesi não é diferente. Como se não bastasse o corpão para encher a gente de inveja, ela também sabe como escolher um bom biquíni e maiô para desfilar nas areias do Brasil e mundo afora. Aqui a variedade é sem limite: cores, estampas, modelos… Os acessórios e óculos escuros dão o toque final.

Pugli Blog2

Como se não bastasse, ainda tem mais look bacana no street style! Aqui a regra é conforto e aquele arzinho despojado de quem não precisa se montar inteira para ficar bonita. As cores neutras são simples e fáceis de combinar, e deixam espaço para imprimir sua personalidade nos detalhes. Seja short, calça ou saia, seguem abaixo alguns exemplos de como ter estilo legal e descomplicado até para quem não é musa nem fitness.

Pugli Blog4

Academia OK, praia OK, dia OK. Mas não é que a Pugli desenrola também na hora de subir no salto? Nesse quesito, tudo que ela economiza na make e hair, priorizando um visual simples e natural, ela compensa na sensualidade dos vestidos, abusan dos curtos – às vezes curtíssimo – e justos, mas sem esquecer do bom gosto. Algumas de suas escolhas, temos que admitir, não são lá tão democráticas e exigem um corpo magrinho e esguio para não caírem na vulgaridade, mas não deixam de ter uma boa dose de inspiração.

Pugli Blog3

Pois é, tá aí um resumão do estilo Pugli de se vestir, afinal nem com um dos corpos mais cobiçados da nação a gente pode sair por aí sem roupa né? Tem que saber escolher. Então bora se inspirar e fazer bonito dentro e fora da academia.

A nutri indica: Avocado!

avocado

O avocado é uma variedade do abacate, com menos calorias e preço mais alto, mas propriedades nutritivas bem semelhantes. Apesar de ser conhecido como um alimento gorduroso, é importante frisar que toda essa gordura é monoinsaturada, aquela que ajuda na diminuição das taxas de colesterol e triglicerídeos, além de conter grande quantidade de fibras que ajudam no funcionamento intestinal, ou seja, é pura saúde!

avocado2

Além disso, a nutricionista Aline Honor (@alinehonor) lembra que o ácido oleico, abundante em ambos os frutos, desinflama as células, ajuda a saciar a fome e auxilia na queima de gordura. Como se não bastasse, descobriu-se também que o abacate estimula a produção do hormônio GH, responsável pela formação de músculos em indivíduos adultos, usando a gordura como fonte de energia. Por este hormônio se produzido principalmente no horário da noite, recomenda-se 2 a 3 colheres de sopa da fruta antes de dormir para ajudar a secar aquela gordurinha estocada no adbômen.

Só não esqueça que equilíbrio nas quantidades é a chave de qualquer dieta, então use, mas não abuse! 🙂

Receitinha: pizza fit

pizza

Essa pizza veio direto do email da nutri e, além de gostosa, ainda é low carb! Assim dá até pra curtir o jantar de domingão sem culpa, né? Olha só:

Ingredientes:

Massa

  • 1 xíc. de couve-flor picada (sem talos)
  • 1 xíc. queijo muzzarela
  • 1 ovo
  • temperos à gosto

Recheio

  • queijo muzzarela
  • atum
  • tomate e manjericão

Pique bem a couve-flor, até completar 1 xícara. Leve esse “farelo” de couve-flor ao microondas de 3 a 5 minutos (sem água, puro mesmo) só para amolecer – cuidado para não passar do ponto e ficar marrom. Espere esfriar e misture o queijo muzzarela ralado e 1 ovo. A massa está pronta, agora você pode temperá-la para dar mais sabor.

Depois unte bem uma assadeira e modele um ou dois discos (eu coloquei a massa com uma colher e fui pressionando com uma espátula para dar o formato). Leve para assar em forno preaquecido até as bordas começarem a dourar por cerca de 10 minutos em 230º. Retire, cubra com os ingredientes de sua preferência e volte ao forno apenas para derreter o queijo. Pron-ti-nho! Já pode correr para cozinha e saborear essa delícia.

Nutricionista: Aline Honor (@alinehonor)

Tudo sobre Power Yoga

O yoga (sim, porque os profissionais que a definem como filosofia de vida defendem o termo como masculino, não feminino) já é amplamente conhecido pelos seus benefícios à saúde mental, através principalmente da meditação e de seus relaxantes mantras, mas a verdade é que sua prática pode ir muito além. Definição corporal, melhora da postura e controle respiratório são apenas alguns dos pontos fortes de um estilo de Yoga cheio de vigor: o Power Yoga.

20130911_113604_2

“Eu costumo dizer que o Power Yoga é a força do Yoga.”, diz a yogini e professora de Power Yoga Luciana Castro.

Lu praticando power yoga

@yoginilu

O diferencial desta prática é o seu dinamismo, levando o praticante de um ásana a outro sem intervalos, mas preservando a leveza do yoga pela fluidez de seus movimentos, chamada de “vinyasa“. Sua atividade dinâmica combina o trabalho muscular e o alongamento, fortalecendo o corpo de uma maneira que não se vê no Yoga tradicional. Além do mais, o esforço físico opera em harmonia com a concentração e a paciência, visto que é preciso manter-se em um ásana de força por no mínimo algumas respirações, diminuindo, assim, o estresse e a ansiedade do dia-a-dia e levando o praticante a voltar o olhar para o seu interior.

20131117_101605_3

Como se não bastasse, há ainda mais razões para seus exercícios estarem sendo tão utilizados em academias e na preparação de atletas: o Power Yoga proporciona maior consciência corporal e respiratória, ajuda a evitar lesões e a mantém a coluna na postura correta, sem falar na consequente definição muscular e alto gasto calórico!

power yoga

Fotoreprodução: yogui.co/

Se você ainda está em dúvida se começa ou não a prática, a professora Lu afirma: “Não há nenhuma contra-indicação específica, só depende da condição de cada pessoa, assim como nas outras técnicas, cada um no seu limite. Pessoas com limitações fazem sua prática de acordo com tal. Importante que o professor direcione a pratica para cada aluno.” Ou seja, não tinha como ser melhor!

20140102_134126

No entanto, é oportuno lembrar que o Yoga é uma prática milenar, com relevante carga filosófica e valiosa tanto para saúde física como para o autoconhecimento e respeito a si mesmo a aos outros. Não se trata tão somente de corpo e calorias, as técnicas respiratórias acalmam a mente, trazendo paz e equilíbrio para encarar os problemas de rotina, e os ásanas ajudam a manter o corpo purificado e bem preparado. Como resume Luciana, “A palavra Yoga significa União. Mente, corpo e alma e uma integração de todos esses aspectos do ser humano tanto no interior como no exterior. É uma filosofia de vida, é disciplina para o nosso autocontrole. É nos ensinar quem somos e encontrar o nosso eixo e ter serenidade de espírito.”

Por isso, se for entrar nessa onda, entre de corpo e alma, e sinta seus benefícios povoando cada partícula do seu ser.

Namastê!

Na dieta fora de casa: Creps!

A família, o namorado ou a turma querem aquela pizza no domingo à noite e você não sabe como fugir da ideia? Sugira um crepe! A franquia do Creps, em Manaíra, oferece uma infinidade de sabores e combinações, do doce ao salgado, incluindo a nossa queridinha tapioca. Seus amigos podem se esbaldar no frango com catupiry, no bacon e no chocolate, enquanto você fica no crepe pequeno com um adicional de salada que acaba saciando mais que qualquer gordice. Particularmente, gosto muito de optar por frango com mussarela de búfala, mas os sabores são tantos que fica difícil escolher o melhor.

Photo 08-02-16 18 43 08

Está aí uma ótima opção para o fim de semana sem peso na consciência.

Aproveite, com moderação (até porque já dá pra ver que eles não pegam leve na quantidade de molho hein?).